A cultura da "Vilanização" dos empreendedores

Os mitos que inventaram sobre ser empresário ou empreendedor

  • Ser empresário/empreendedor é ser rico

  • Ser empresário/empreendedor bem sucedido teve que explorar os pobres

  • Ser empresário/empreendedor bem sucedido teve que fazer algo ilícito

  • Ser empresário/empreendedor é ter liberdade e trabalhar a hora que quiser

  • Ser empresário/empreendedor é ter uma vida boa e sossegada

Em algumas ocasiões, isso pode ser verdade sim. Porém, não torna uma regra geral. Se isso fosse verdade, todo mundo gostaria de ser empresário/empreendedor.


O dono da empresa é quase sempre um vilão na boca dos funcionários. Muitos não falam dele, por medo ou por respeito. Mas os que falam não poupam palavras pra dizer coisas sobre o "patrão".

Talvez, essa coisa do patrão ser um vilão venha da nossa raiz colônia. Devemos lembrar que o Brasil foi um país que cresceu na base da escravidão. E mesmo depois de abolir a escravidão, ainda temos o coronelismo e o um sistema político cheio de escândalos de corrupção.

A eterna batalha entre os funcionários e os gestores

Eu quis escrever sobre isso, pois é importante refletir sobre os dois pontos de vista. Da mesma forma que HÁ chefes ruins, também HÁ péssimos funcionários. Vocês já ouviram falar sobre uma maçã podre pode estragar as outras maçãs?


O contágio emocional é algo muito forte e não é algo que podemos tirar dos seres humanos. Tanto os gestores quanto os funcionários estão suscetíveis ao contágio emocional.


Mas o que nós podemos fazer sobre isso?

Se você for o gestor, dono da empresa, empresário ou empreendedor

Trabalhar com pessoas é a parte mais complicada. Pessoas são todas diferentes e seu comportamento no dia a dia não há currículo que pode revelar. Se você é um gestor, é importante estar "blindado" pelo contágio emocional. Muitas vezes é preciso ter uma visão fria sobre o que está acontecendo na empresa. Dessa forma você não vai ser injusto com um funcionário que pode ser alvo de fofocas e que muitas vezes pode estar preocupado com o resultado da empresa. Este é um ponto importante, pois é muito comum nas empresas um profissional que tenta fazer mais ter mais visibilidade e também ser alvo de seus colegas. Isso tem total relação com este artigo, pois é a "vilanização" de um profissional empreendedor que quer fazer cada vez mais e crescer.

Ser cordial e educado é sempre importante, mas ser correto é essencial. Julgar as pessoas por resultados e responsabilidade é ainda mais importante. Algo que pode ser péssimo pra um gestor é deixar se envolver pelas fofocas e pelo contágio emocional e tomar suas decisões com base nas conversas de corredor.


Se você for o funcionário

Do lado de um funcionário é muito difícil olhar do ponto de vista de um dono de uma empresa. Isso acontece, pois muitas vezes um empresário/empreendedor muitas vezes já foi um funcionário. Então para um gestor relembrar seus dias como funcionário é algo mais fácil do que um funcionário se colocar no lugar de um empresário/empreendedor.

Ser funcionário primeiramente não é uma vergonha, ser um empregado ruim é. Em uma relação de trabalho sempre teremos a relação gestor e funcionário. O que faz dessa relação algo sofrido é a ausência de responsabilidade e competência de qualquer um dos lados. Somando isso ao fato de que somos seres humanos, muitas vezes tomamos decisões pelo simples instinto de sobrevivência. Uma dica simples é SEJA confiante com responsabilidade. Muitas vezes a pessoa que erra simplesmente quer omitir o erro ou culpar um terceiro, pois não quer ser "Mandada embora", porém assumir o erro é uma posição honesta e muito apreciada por bons líderes. O fato é que desde as faculdades e até no colégio, aprendemos que quem erra é morto com dor dolorosa.

Um bom funcionário não busca culpados. Ele puxa pra si a responsabilidade e avança sem medo. Busca resultados e melhora as coisas ao seu redor. Posso dizer com segurança que um funcionário assim é uma peça desejada por todo bom gestor. Ser esse profissional com essa postura te coloca no topo. MESMO que você perca um ou outro emprego, por ter uma postura honesta. Vamos dizer que aquele emprego não estava na sua altura.




Quem são os empreendedores?

Empreendedores não são apenas os empresários, mas também os profissionais que empreendem suas carreiras. Nem todos nascemos com o empreendedorismo na veia, mas todos podem aprender a como empreender. Aliás, empreender é essencial para todos que desejam crescer e evoluir. E quem não deseja crescer e evoluir na carreira? E é aqui que mora o problema!

Leitura complementar: https://amenteemaravilhosa.com.br/teoria-da-maca-podre/



5 visualizações0 comentário
Transformador Digital

Juliano Kimura

(11) 996 936 340

©2020 por Juliano Kimura - Transformador Digital - juliano@trianons.com.br
CPF - 298.370.138-77
Rua Cardeal Arcoverde, 928 - Pinheiros - SP